Portal Tá na Rede

Rodada dupla define semifinalistas do Bahia Cup nesta sexta

Rodada dupla define semifinalistas do Bahia Cup nesta sexta Foto: Divulgação

Começou na noite desta quinta-feira a disputa do Bahia Cup, evento para o alto rendimento, com premiação de R$ 10 mil e pontos no ranking adulto da Confederação Brasileira de Tênis. A competição definirá os semifinalistas em rodada dupla nesta sexta-feira e é disputada com entrada franca no Clube Bahiano de Tênis, no bairro da Graça.

No primeiro dia, Gabriel Generoso, de Araraquara (SP), marcou 6/4 6/2 no baiano Leonardo Azevedo e encara o catarinense Sérgio Amorim. O pernambucano Guilherme Zotin passou pelo baiano Gustavo Schwebel, natural do Clube Bahiano de Tênis, por 3/6 6/3 6/3 e medirá forças contra outro baiano, Gustavo Lino.

A rodada desta sexta-feira começa às 9h e prevê doze partidas sendo oito das oitavas de final e todos os duelos das quartas de final a partir das 18h30. Destaque para o jogador Augusto Laranja, de São José do Rio Preto (SP). O principal favorito pega o baiano Matheus Conte.

As semifinais serão jogadas no sábado e a decisão no domingo, dia 30.

O sábado será o 1º dia da disputa da 34ª edição do Bahia Juniors Cup com as disputas do qualifying internacional para a categoria 18 anos com pontos para o ranking mundial da Federação Internacional de Tênis, dos 16 e 14 anos, 12 anos e as disputas da chave principal das categorias até 10 anos do Tennis Kids. Os jogos estão previstos para às 9h. São 307 atletas de 15 países, um aumento de 50% em relação à edição anterior. A 34ª edição do Bahia Juniors Cup vai até o sábado, dia 6 de outubro.

O Bahia Juniors Cup é um celeiro de craques do tênis brasileiro. Além de ter revelado Gustavo Kuerten a competição foi palco em 2016 do primeiro título a nível mundial para o paranaense Thiago Wild que derrotou o jogador que hoje é número dois do mundo, o argentino Sebastian Baez. O garoto que hoje tem 18 anos se sagrou campeão do US Open há pouco mais de uma semana se tornando o primeiro brasileiro campeão do Slam no júnior e apenas segundo brasileiro a levantar um Major no juvenil. O torneio baiano é especial na carreira do tenista que a partir de agora se dedicará integralmente ao profissional.

“O Bahia Juniors Cup tem um peso enorme na minha formação, foi meu grande primeiro título nível ITF em uma grande final contra meu amigo e rival Sebastian Baez que hoje é 2 do mundo na categoria, as recordações são muito felizes. Foi sem dúvida crucial para alavancar minha carreira juvenil e tem papel importante na minha carreira”, disse Wild.

Além de Wild já disputaram o tradicional evento Fernando Meligeni, André Sá, Teliana Pereira, Marcelo Melo, Jaime Oncins, Flávio Saretta entre outros.

O Bahia Juniors Cup tem o recorde de 307 atletas, um aumento de quase 50% em relação à última temporada. São jogadores de 15 países – Brasil, Rússia, Colômbia, Peru, Argentina, Paraguai, Holanda, Polônia, Estados Unidos, Finlândia, Chile, Grã-Bretanha, Canadá, Índia e Bolívia.

Veja mais notícias sobre Tênis